Home / Mundo / Indonésia suspende busca por avião da AirAsia

Indonésia suspende busca por avião da AirAsia

Avião desaparecido INDONÉSIAUm funcionário da agência de aviação da Indonésia, entidade que está trabalhando na busca pelo voo 8501 da AirAsia desaparecido neste domingo (28, noite de sábado no Brasil), disse que as atividades foram suspensas devido ao cair da noite e serão retomadas na segunda-feira pela manhã (29).

Para a AP, Achmad Toha afirmou que os aviões envolvidos na busca retornaram a sua base, mas que alguns navios permanecem na área onde o avião perdeu contato com o controle de tráfego aéreo. A busca aérea será retomada às 6h da manhã segunda-feira, 21h de domingo no Brasil (horário de Brasília).

“Interrompemos as buscas quando começou a anoitecer. A meteorologia também não estava favorável. As buscas serão retomadas amanhã [segunda-feira] cedo, se o tempo permitir”, declarou um porta-voz do Ministério dos Transportes da Indonésia.

O Airbus A320 com 162 pessoas a bordo ia de Surabaya, a segunda maior cidade da Indonésia, para Cingapura. A busca maciça via mar começou perto da ilha de Belitung, no Mar de Java, região que o avião sobrevoava quando perdeu o contato com o controle de tráfego terrestre, cerca de 42 minutos depois de decolar. O contato foi perdido com o Controle de Tráfego Aéreo da Indonésia às 07h24 deste domingo (21h24 de sábado horário de Brasília), de acordo com a AirAsia.

A aeronave transportava 155 passageiros (138 adultos, 16 crianças e um bebé) e sete membros da tripulação, incluindo dois pilotos. Entre os passageiros, 149 são indonésios, três sul coreanos, um de Cingapura, um da Malásia e um inglês. Da tripulação, são seis indonésios e um francês.

Com sede na Malásia, a companhia informou que o piloto do voo QZ8501 pediu para desviar o plano de voo por causa do mau tempo. Acrescentou que estava em curso uma operação de busca e resgate, coordenada pela Indonésia e com participação de Cingapura.

Diretor-geral do transporte aéreo da Indonésia, Djoko Murjatmodjo disse que as buscas estavam concentradas numa área entre a ilha Belitung e Kalimantan, na parte ocidental da ilha do Bornéu, nas proximidades da rota do voo QZ8501.

*Com informações da AP e da Agência Brasil.

Publicidade