Home / Curvelo online / Laudo do “Sisagua” aponta como imprópria para consumo a água da Biquinha

Laudo do “Sisagua” aponta como imprópria para consumo a água da Biquinha

Foto: portaldopatrimoniocultural
Foto: portaldopatrimoniocultural

Segundo últimos relatórios do Sisagua (Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano ) realizado pelo governo; a água do “Parque Municipal da Biquinha” está imprópria para consumo.

As constantes analise são solicitadas pela Vigilância Sanitária municipal e sempre conta com o pedido do morador e líder comunitário do bairro São Geraldo João Sabino.

Nos relatórios de análise foram encontrados “coliformes totais” que são grupos de bactérias indicadoras de contaminação e é associado às fezes de animais de sangue quente. Pode causar diarreia e outras complicações. Em crianças, idosos e enfermos essa bactéria pode ter um efeito ainda mais devastador.

Fonte: Fan Page: Associação Comunitária Dos Moradores Do Bairro São Geraldo
Fonte: Fan Page: Associação Comunitária Dos Moradores Do Bairro São Geraldo

Também foi encontrada a bactéria Escherichia coli  também conhecida por A E.coli está entre as principais causadoras de:

  • Toxinfecção alimentar: é uma causa importante de Gastroenterites.
  • Infecção do tracto urinário (ITU): é a mais frequente (cerca de 80% dos casos) causa desta condição em mulheres jovens, podendo complicar em pielonefrite. Resultam da ascensão do organismo do intestinopelo ânus até ao orifício urinário e invasão da uretra, bexiga e ureteres. Frequentemente causadas pelo serovar UPEC. Também conhecida como cistite da lua de mel devido à propensão para aparecer em mulheres sexualmente activas.
  • Colecistite
  • Apendicite
  • Peritonite: se perfurarem a parede intestinas ou do tracto urinário. A mortalidade é alta.
  • Meningite: a maioria dos casos de meningite em neonatos é causada pela E.coli.
  • Infecções de feridas
  • Septicémia: causam 15% dos casos da multiplicação sanguínea frequentemente fatal; contra 20% por Staphylococcus aureus. É uma complicação de estágios avançados não tratados de doença nas vias urinárias ou gastrointestinais. A mortalidade é relativamente alta.

Água não potável

A Vigilância Sanitária de Curvelo alerta ainda que os poços artesianos e bicas comunitárias espalhadas pela cidade não são monitoradas por enquanto! O programa do governo não abrange essa demanda. Porém,  há indícios que em breve serão monitorados.

Em relatórios de anos passados, foram também detectadas inconformidades nestas bicas comunitárias também.

A recomendação principal é que não seja feito o consumo destas águas sem procedência. Contudo,  se o cidadão mesmo contrariando o alerta quiser utilizar da água; pede-se que ferva e filtre a mesma.

Outros relatórios periódicos apontam que a água da COPASA (Companhia de Saneamento de Minas Gerais ) está apta para consumo. Entretanto os mesmo cuidados se fazem necessários.

Fonte: – Vigilância Sanitária de Curvelo
– Wikipédia

Veja Também

Defensoria Pública mineira abre inscrições para o “Mutirão Direito a Ter Pai 2020″

Interessados em participar do mutirão de reconhecimento de paternidade devem se inscrever de 1º a ...